Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Nova-iorquinas sonham com o bumbum brasileiro

Cirurgia que deixa o bumbum empinado foi a mais pesquisada em um site especializado

O procedimento retira a gordura do abdômen e a injeta nos glúteos, tornando o bumbum maior e mais empinado

O procedimento retira a gordura do abdômen e a injeta nos glúteos, tornando o bumbum maior e mais empinado (Reprodução/Internet)

Nova Iorque é uma cidade moderna e seus moradores procuram estar sempre na moda, até mesmo quando se trata de cirurgia plástica. De acordo com a matéria publicada no jornal “The New York Post”, cerca de 378.000 nova-iorquinas pesquisaram pelo método cirúrgico chamado ‘Brazilian butt lift’. O procedimento retira a gordura do abdômen e a injeta nos glúteos, tornando o bumbum maior e mais empinado.

Estas mulheres usaram o site RealSelf para pesquisar mais informações sobre esta técnica, e os representantes da página afirmaram ao jornal que este números foi três vezes maior do que de cidades como Los Angeles, Miami e Atlanta.“Hoje, todo mundo, até mesmo os americanos, tem o sonho de corrigir alguns defeitinhos que incomodam e ter um corpo ‘sarado’ e bonito, o que não é conquistado apenas com dieta, tratamentos estéticos ou academia, mas que necessitam de um procedimento cirúrgico”, explica Arnaldo Korn, diretor do Centro Nacional – Cirurgia Plástica.

 O ‘Brazilian butt lift’ é uma lipoescultura em que a gordura de locais indesejados é retirada e introduzida no bumbum, esculpindo assim o corpo. Por ser uma espécie de lipoaspiração, a cirurgia não é para perder peso, mas sim para fazer uma remodelagem, transferindo a gordura alojada no abdômen ou na parte de trás das costas para os glúteos.  É uma cirurgia segura que não necessita de muitos dias de internação (o paciente fica internado por até um dia) e ao respeitar as orientações médicas, a recuperação também é rápida.

Muitas pessoas sonham em ter um corpo perfeito, ou apenas gostariam de reparar alguma parte do corpo da qual não estão satisfeitas. “O que sempre importa é o bem estar físico, social e mental. E para muitas pessoas não adianta ter um organismo sadio se ela não se sentir bem consigo mesma. É aí que entra a estética”, conclui o diretor.

Para os que gostariam de mudar de aparência ou corrigir alguma característica considerada imperfeita e ainda não recorreram à intervenção cirúrgica por questões financeiras, hoje há como parcelar e ainda contar com uma assessoria administrativa e financeira, serviço prestado por empresas como o Centro Nacional – Cirurgia Plástica, que realiza a intermediação entre clínicas e pacientes e financia o procedimento em até 36 vezes, tornando mais fácil o pagamento.

*Com informações de assessoria.