Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

‘Dom Perlimplim com Belisa em seu jardim’ estreia em Manaus

As apresentações ocorrerão as quartas, quintas e sexta, às 20h, nos dias 19, 20, 26, 27 e 28 de fevereiro, no auditório do Icbeu Manaus

O espetáculo “Dom Perlimplim com Belisa em seu jardim” faz parte do projeto da Cês em Cena Produções Artísticas contemplada com o Prêmio Funarte de Teatro Myriam Muniz 2013

O espetáculo “Dom Perlimplim com Belisa em seu jardim” faz parte do projeto da Cês em Cena Produções Artísticas contemplada com o Prêmio Funarte de Teatro Myriam Muniz 2013 (Divulgação)

A Cia Cês em Cena de Teatro estréia na próxima quarta (19),  nos palcos amazonenses a temporada teatral do espetáculo “Dom Perlimplim com Belisa em Seu Jardim”. Esta é a primeira montagem em Manaus, após três décadas, desta obra de Federico Garcia Lorca, poeta e dramaturgo espanhol.

A efemeridade, fantasias e mistérios do amor são os principais temas da peça, cuja trama aborda a história de Dom Perlimplim, um senhor rico, que já passou da idade de se casar e que conta com o apoio da fiel criada, Marcolfa, para conquistar a jovem e cobiçada vizinha, Belisa. Esta, por sua vez, aceita o casamento por interesse no dinheiro de Perlimplim, enquanto ele recorre às ultimas consequências para conquistar o amor verdadeiro da esposa.

No elenco estão os atores Heitor Loris (Perlimplim), Emille Nóbrega (Belisa) e Zandor Chagas (Marcolfa). Guta Rodrigues assina a direção do espetáculo, que conta também com Elis Marinheiro na Preparação de Elenco, Mikhael Rocha na Direção Musical, Taniouska Souza assina a concepção de figurinos e Antonio Carlos Junior é responsável pela pesquisa e co-adaptação. A encenação faz parte do projeto da Cês em Cena, contemplado com o prêmio Funarte de Teatro Myriam Muniz 2013, Montagem e Manutenção de Grupos.

A encenação

De acordo com a diretora do espetáculo a peça foi escrita na década de 20 do século passado, um dos primeiros textos de García Lorca, que o criou para teatro de bonecos, misturando os gêneros trágico e cômico. “A encenação de Dom Perlimplim pela Cia Cês em Cena trabalha a Tragicomédia. Quando os personagens são apresentados, o expectador perceberá um toque especial de comédia no cotidiano destes, e à medida que acontecem os desenlaces e conflitos a estória traz reviravoltas para o trágico, no caso da peça, é a luta do protagonista para conquistar o amor de sua musa”, conta Rodrigues.

Com uma estética simbolista, o grupo recorreu também às poesias do dramaturgo para dar força à palavra em cena. “Na adaptação, inserimos algumas poesias de Lorca como um signo que comunica as ações e o tempo da trama, é também um convite para o público testemunhar uma das mais belas obras de amor da literatura espanhola”, complementa a diretora.

No processo de pesquisa do grupo, a Preparadora de Elenco, Elis Marinheiro, trouxe referências da Comedia Dell´Arte e do Flamenco para auxiliar o elenco na composição dos personagens. "O tratamento dado à interpretação do elenco é naturalista, contudo, estudamos o corpo Dell’ Arte pela distribuição dos personagens em situações triviais e cômicas; temos a criada habilidosa, o senhor intelectual que deseja a mocinha e a enamorada sempre apaixonada. Mas não podíamos ignorar a identidade de Lorca, um dos expoentes da literatura espanhola, conhecido por marcar suas obras com os costumes da terra natal. O Flamenco foi incorporado no processo como um ícone de amadurecimento dos personagens quando se confrontam com as forças do amor”, explica Marinheiro. A paisagem musical da peça também é composta por músicas flamencas do folclore hispano.

Premiada

O espetáculo “Dom Perlimplim com Belisa em seu jardim” faz parte do projeto da Cês em Cena Produções Artísticas contemplada com o Prêmio Funarte de Teatro Myriam Muniz 2013, que prevê ainda as temporadas teatrais dos espetáculos “O Grito da Alma”, adaptação da obra de Tennessee Williams e do humorístico “X-Caboquinhos”, todos com estreias agendadas para 2014.