Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Álbum oficial da Copa do Mundo 2014 estimula troca de figurinhas

Completá-lo é o atual sonho de várias pessoas ao redor do Brasil, incluindo da presidente Dilma Rousseff, que já declarou estar colecionando as figurinhas

Até a presidente Dilma está à caça dos cromos coloridos

Até a presidente Dilma está à caça dos cromos coloridos (J. Renato Queiroz)

O álbum oficial da Copa do Mundo 2014 se transformou numa febre instantânea - e não apenas em Manaus, onde começou a circular no dia 6 de abril, com exclusividade, na edição de A CRÍTICA. Completá-lo é o atual sonho de consumo de milhares de crianças e adultos ao redor do Brasil, incluindo da presidente Dilma Rousseff, que já declarou estar colecionando as figurinhas junto com o neto de três anos e meio.

Para isso, os ansiosos pelo mundial não medem esforços e vêm se utilizando até mesmo de aplicativos e redes sociais para localizarem os cromos restantes do álbum produzido pela Panini. No caso do estudante Luis Carlos Dias, 9, a busca pelos jogadores que faltam para preencher o álbum é feita de maneira mais tradicional: na simples roda de amigos.

“Nós sempre trocamos figurinhas”, diz ele à equipe de reportagem do BEM VIVER. “Colo tudo sozinho, pois minha família não tem tempo. Todos estudam e trabalham bastante”, completa Luis, que também já teve os álbuns da animação “Frozen” e do Brasileirão 2013. “Mas não completei nenhum, estou me esforçando para conseguir finalizar esse (risos)”, diverte-se.

Fã declarado do esporte, que pratica todos os sábados com o pai, o estudante confessa que ainda está bem distante de preencher as 75 páginas do álbum da Copa. “Faltam muitas (figurinhas). Mas as seleções de Ghana, Brasil e Irã já estão quase completas. Até que não tiro tantos jogadores repetidos, sempre saem variados”, acrescenta ele, que espera em breve conseguir a figurinha dos craques Neymar e Messi.

SHOW DE BOLA

O desafio de completar o álbum oficial da Copa do Mundo 2014 antes do lançamento da competição, no dia 12 de junho, não é algo que atinge apenas a ala masculina. As mulheres também entraram na brincadeira. “Tornei-me fã recentemente de futebol, mas sempre gostei de acompanhar a Copa”, conta a estudante de Psicologia Lorena Barbosa, 21. Apenas numa visita à banca de revista, ela comprou cerca de 110 figurinhas.

Assim como Luis Carlos, a estudante recorre aos amigos na hora de trocar os jogadores repetidos. “Senão a brincadeira não fica completa”, justifica. “Não vejo a hora de completar o álbum. Quando terminar essa entrevista, inclusive, estou indo comprar mais figurinhas”, revelou Lorena. “Infelizmente, ainda faltam várias. Quero muito tirar o Messi, mas ainda não tive essa sorte”, finaliza.

EM FAMÍLIA

As figurinhas também já se tornaram tradição nas Copas da família da empresária Fabíola Faleiros, 47. Ela garante que a animação para juntar os cromos é a mesma de sempre. “Nas edições anteriores tínhamos apenas um álbum para a casa toda, mas nessa tenho um para mim e outro para meu filho. Trocamos entre nós e ele me ajuda trocando com outros amigos”, conta ela.

Para Fabíola, que já teve álbum de personagens de gibis e filmes, sendo que o do filme “E.T.” foi o mais marcante, a atividade se tornou um verdadeiro divertimento familiar. “É mais uma forma de nos reunirmos. Damos muitas gargalhadas com a fisionomia e os nomes de alguns jogadores, como o jogador Sokratis Papastathopoulos, da Grécia”.