Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Paralisia do sono é causada pela vida agitada

Sensação ao acordar onde é impossível fazer algum movimento é um alerta para adotar hábitos mais saudáveis como mudança na alimentação e prática de exercícios, explica neurologista

Sensação é provocada devido a hábitos inapropriados, afirma o Dr. Carlos Maurício

Sensação é provocada devido a hábitos inapropriados, afirma o Dr. Carlos Maurício (Reprodução)

Despertar e não poder se movimentar; sentir um peso em cima do corpo, como se alguém estivesse sobre você, e não conseguir falar, muito menos gritar. A maioria das pessoas já experimentou essas e outras sensações causadas pela paralisia do sono, um sintoma que dá origem a muito espanto e inúmeros mitos. A boa notícia é que na maioria dos casos não existe motivo para desespero, garante o neurologista Dr. Carlos Mauricio, especialista em sono.

Se você já teve o sintoma, provavelmente, é uma vítima da agitada vida moderna e a paralisia do sono apareceu como um alerta de que é preciso adotar hábitos mais saudáveis. “Só é perigoso se vier acompanhada de outros sintomas, como sonolência excessiva, por exemplo, que pode indicar um quadro de narcolepsia. Nesse caso, é grave e precisa de tratamento. Mas é muito raro, as estatísticas apontam que uma pessoa em um milhão têm narcolepsia”, explica o especialista.

Como acontece

Conforme o médico, durante o sono mais profundo, a chamada de fase REM (Rapid Eye Movement/Sono de movimento rápido dos olhos), acontece uma paralisia do corpo. “É uma proteção para que a pessoa não se mexa enquanto dorme e evite se machucar”, esclarece. Quando o cérebro desperta do estado REM, mas a paralisia do corpo permanece, inicia-se a paralisia do sono, ou seja, você está consciente, porém, sem o controle dos movimentos do seu corpo.

É possível que você já tenha passado por esse “momento de horror”, como as pessoas costumam descrever, mas tenha relacionado o episódio a apenas mais um sonho. Na verdade, esse evento explica muitas histórias que aparentemente têm a ver com o mundo sobrenatural, como aqueles sonhos onde o indivíduo se vê deitado na cama. Cientistas também já usaram a paralisia do sono para justificar os relatos de abduções alienígenas e encontros com fantasmas.

Alucinação é outro fenômeno constante durante a paralisia do sono, mas que não ocorre em todos os casos. “É possível que o paciente escute sons estranhos ou sinta a presença de alguém. As causas podem ser várias, pode ser que o sono tenha sido interrompido abruptamente, ou tenha acontecido a suspensão de algum remédio que agia no sistema nervoso ou pode ser um sintoma da narcolepsia, que já mencionei”, explica Mauricio.

Tratamento

Em geral, as pessoas não precisam de tratamento para a paralisia do sono, sendo o suficiente apenas a mudança e eliminação de alguns hábitos simples, “É preciso cuidar da saúde, fazer exercícios, se alimentar bem. O tratamento da paralisia do sono não tem segredo”, afirma o especialista. Ele recomenda a quem quiser obter maiores informações sobre a paralisia e outros problemas do sono, visitar a página da Sociedade Brasileira de Sono na Internet”.