Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Shopping Ponta Negra celebra primeiro aniversário com exposição do fotógrafo francês Bruno Pellerin

Em ‘Les Coulisses de la Mode’, o renomado fotógrafo da moda de alta costura retrata os bastidores desse mundo, por onde Pellerin circula há 28 anos; mostra começa no dia 8 de agosto

Obras de Bruno Pellerin celebram a beleza em fotos de coleções antológicas de grandes grifes

Obras de Bruno Pellerin celebram a beleza em fotos de coleções antológicas de grandes grifes (Divulgação)

Em grande estilo, com uma exposição de um dos maiores ícones da fotografia mundial, o francês Bruno Pellerin, o Shopping Ponta Negra irá comemorar na próxima sexta-feira (8) o aniversário de primeiro ano de instalação em Manaus.  Intitulada “Les Coulisses de la Mode” (“Os bastidores da Moda”), a mostra, promovida pela Aliança Francesa, em parceria com o shopping, será aberta às 19h30 com um coquetel para convidados. Logo após o evento, o público poderá conferir as 28 obras do artista francês, no terceiro piso (L3) do shopping, próximo à loja Comepi.

Com fotos em preto e branco, os quadros mostram a intimidade e bastidores de estilistas e modelos em desfiles e ensaios de moda, entre os quais retratos de ensaios das coleções de Christian Dior, Chanel, Christian Lacroix, Lecoanet Hémant, Pierre Balmain, Torrente, Louis Féraud, Emmanel Ungaro, Jean Louis Scherrer, Paco Rabanne e Oivier Lapidus.

Na exposição, que estará disponível ao público até o dia 25 de agosto, podem ser encontradas imagens que mostram modelos se preparando para os desfiles nos bastidores e estilistas acertando detalhes em seus ateliês. Todo o glamour do mundo da moda está retratado nas obras do fotógrafo Bruno Pellerin, que mostra a cumplicidade entre modelos, estilistas, fotógrafos e personalidades deste mundo tão encantador.

Sobre Bruno Pellerin

O fotógrafo iniciou sua carreira em Paris quando foi solicitado para registrar as personalidades convidadas para uma transmissão de uma rádio sobre “O melhor do mundo da moda”. Foram então 28 anos eternizando a arte da alta costura. Nesse período se consolidou como um dos grandes fotógrafos de moda, com publicação de trabalhos em editoriais da Europa e atuação na cobertura da Semana de Moda de Paris.

Depois desse longo período mesclando registro jornalístico e estética do mundo fashion, ele escolheu o Brasil para iniciar uma nova fase profissional. Abriu um estúdio em Belém (PA) e se dedicou ao registro das belezas da Amazônia. Realizou uma série de reportagens sobre a fauna paraense e sobre o artesanato e a música dos Círios de Nazaré.