Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Cenógrafa Chris Ayrosa participa nesta quarta (6) da feira ‘ExpoNoivas & Cia’, em Manaus

A paulista celebrada nacionalmente na área pretende conduzir um workshop descontraído e trocar experiências com o público da capital amazonense

O mercado sofisticado de eventos é o nicho de Chris Ayrosa

O mercado sofisticado de eventos é o nicho de Chris Ayrosa (Divulgação)

Ao contrário do que se possa imaginar, a vinda da experiente cenógrafa Chris Ayrosa a Manaus para ministrar workshop na feira “ExpoNoivas & Cia 2014” não se resume a “ensinar” como fazer festas melhores. Pelo contrário. A paulista, que possui 30 anos de experiência na área, reconhece o potencial da cidade em termos de organização e criatividade nos eventos feitos aqui. Presença confirmada hoje, a partir das 19h no Tropical Hotel, ela adiantou que pretende conduzir um bate-papo descontraído a fim possibilitar uma troca de experiências com o público da capital amazonense - local que ela assume ser apaixonada.

Chris elenca os pontos principais que preparou para apresentar no evento: um resgate dos seus anos de carreira na área da cenografia; casamentos no campo; casamento clássico e o mini wedding (e destination wedding). A respeito do primeiro tópico, ela busca desmistificar a glamourização desta profissão.

“As pessoas mais novas acham que nessa área de eventos, principalmente os sociais, é tudo badalado e com mais glamour. Mas não é isso. É suor, trabalho, criação e sofrimento. Claro que, o resultado final é muito bacana. Então relembrarei momentos que tive de passar para montar minha empresa, que hoje continua atuando de maneira interessante”, disse.

Os demais detalhes acerca das estilos de casório, Chris promete dar dicas, explanar as tendências e, inclusive, ouvir perguntas e sanar dúvidas que os ouvintes possam ter. “Acho importante que o encontro não fique com cara de palestra, onde as pessoas ficam apenas escutando complacentes. Meu desejo é fazer uma troca humana bacana e espero que isso possa ser feito mais vezes em outras oportunidades”.

Olhar cuidadoso

Por já ter efetuado trabalhos de cenografia em Manaus, Chris Ayrosa teve a oportunidade de conhecer de perto a cidade e seus conterrâneos. O alto astral lhe contagiou. “Fiquei encantada com a maneira como vocês celebram as coisas. As comemorações são feitas de forma diferente, tudo vira festa. Independente de todo o lado cultural daí que é extremamente rico e celebrado, a parte social também é muito forte e intensa - mais forte até do que as outras regiões do Brasil que tenho contato”, disse a cenógrafa.

Ela levanta a bandeira inclusive, de que o potencial dos fornecedores locais seja explorado. “Sou super contra achar que as coisas [produtos e serviços] precisam ser de fora. Cada lugar pode fazer o evento do seu jeito”, diz, incentivando o olhar mais cuidadoso para nossa própria cidade. “Acredito que Manaus é como São Paulo no sentido de você amar ou odiar. Todas as cidades têm problemas. E eu amo Manaus”.