Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Procuradora de Justiça, Jussara Pordeus, lança livro em Manaus

A obra ‘Ordenação das Cidades e o Papel do Direito Urbanístico’ (Editora da Amazônia) pretende atingir os interessados no Direito Urbanístico, Direito à Cidade e aos que trabalham especificamente com a licença para construir

O livro de Jussara Pordeus foi editado pela Editora da Amazônia

O livro de Jussara Pordeus foi editado pela Editora da Amazônia (Antonio Lima)

Uma mulher linda, articulada, realizada profissionalmente e que sabe brincar e, ao mesmo tempo, falar sério utilizando-se do “jogo das palavras”. Essa é a procuradora de Justiça do Estado do Amazonas Jussara Pordeus, que lançará nesta sexta-feira, dia 30 de maio, às 11h, no Auditório Carlos Alberto Bandeira de Araújo, na própria sede da Procuradoria Geral de Justiça (Ministério Público-Ponta Negra), seu livro “Ordenação das Cidades e o Papel do Direito Urbanístico” (Editora da Amazônia).

Tendo como subtítulo “O licenciamento Urbanístico no Município de Manaus”, a obra pretende atingir os interessados no Direito Urbanístico, Direito à Cidade e aos que trabalham especificamente com a licença para construir.

“Seu conteúdo interessa a estudantes e profissionais que lidem com Direito e Arquitetura. O texto, apesar de conter parte da história da construção das cidades e muitas questões jurídicas do Direito Urbanístico, é leve e de fácil leitura e assimilação, considerando a utilização de uma linguagem científica, que é menos pesada que a jurídica”, explicou a jurista, que também é professora da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) e articulista do jornal A CRÍTICA.

Multitarefas

Para conciliar tantas funções – também é membro do Conselho Superior do Ministério Público do Estado do Amazonas e mãe de três filhos, entre outras atividades –, Jussara explicou que precisa ter uma certa logística.

“No Ministério Público o gabinete dispõe de uma equipe. Na universidade, o trabalho de preparar e dar aulas é mais solitário e me mantém atualizada, todavia o contato e a troca com os alunos é muito gratificante. Os artigos para o jornal, escrevo por prazer e os divulgo no meu blog (jussarapordeus.blogspot.com.br) para que os amigos e familiares, que moram fora, possam ler. Além disso, ainda frequento um programa de doutoramento na Universidade de Coimbra e estou concluindo minha tese de doutorado. Em casa também conto com a ajuda de uma companheira de mais de 25 anos, que me ajuda a cuidar da casa e nas compras”.

Jornal

Escrevendo há seis anos, semanalmente, para A CRÍTICA, a procuradora afirma que esta sua atividade gera bastante retorno dos leitores.

“Essa função me obriga a estar sempre pesquisando e me atualizando sobre o que acontece todos os dias no mundo do Direito. Durante quase um ano escrevi de Portugal onde morava. Tenho bastante retorno dos artigos, as pessoas sempre comentam e atribuo esse sucesso ao fato de sempre escrever sobre atualidades do mundo jurídico e assuntos palpitantes, que interessam a todos e não só aos operadores do Direito”.

Grande evento

Em junho, Manaus recebe seu primeiro jogo da Copa do Mundo e, devido ao evento futebolístico, foi desenvolvido um plano de mobilidade urbana. Aproveitando a temática do livro, a reportagem indagou a jurista sobre o assunto. Apesar de desconhecer detalhes do plano de mobilidade criado, o que não lhe permite emitir opinião abalizada sobre o tema, Jussara afirma que se preocupa com o impacto urbanístico que grandes eventos causam, normalmente nas cidades que os sediam, e na respectiva população.

“Torço para que tudo funcione e dê certo durante a Copa, pois sou apaixonada pelo Brasil e, já que a Copa é uma realidade que não pode ser modificada, que nosso País demonstre competência, profissionalismo e faça bonito em todos os sentidos”, afirmou a jurista e escritora, que torce para que o evento seja um sucesso na capital amazonense.

Perfil - Jussara Maria Pordeus e Silva

Possui graduação em Direito pelo Centro Universitário das Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU) de São Paulo (1986), duas especializações, uma em Direito Público e Privado pelo ISAE/FGV (1995) e outra em Direito Público e Administrativo pela UFAM (1997). Obteve título de mestre em Direito Ambiental pela Universidade do Estado do Amazonas (2004) e é investigadora discente a nível de Doutorado no Programa de Doutoramento “Direito, Justiça e Cidadania no Século XXI” do Centro de Estudos Sociais (CES) da Universidade de Coimbra/Portugal (2008-2013). É professora da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), titular da cadeira de Direito Administrativo, onde também é Coordenadora do Núcleo de Direito à Cidade do Programa de Pós-Graduação em Direito Ambiental (PPGDA). É Procuradora de Justiça do Ministério Público do Estado do Amazonas, titular da 7ª Procuradoria junto à 2ª Câmara Cível, exercendo, atualmente, também, o cargo de Membro do Conselho Superior do Ministério Público do Estado do Amazonas, eleita pelo Colégio de Procuradores para o biênio 2013-2015. Tem experiência na área de Direito Público, com ênfase em Direito Constitucional, Direito Administrativo e Direito Urbanístico.